9.12.16

Pessoas de verdade

Sigo várias contas no instagram e outras tantas páginas de facebook e, se por vezes servem de inspiração, outras servem de desilusão... Não há dúvida que gosto de fotografias bonitas, da harmonia de mesas compostas e da delicadeza e dedicação que estão por trás de cada imagem. Mas, acima de tudo, gosto muito mais de pessoas espontâneas e com sentido de humor; pessoas de verdade com vidas reais.

Somos constantemente bombardeados com imagens de perfeição em contas de instagram imaculadas. Feeds impecáveis sem qualquer defeito a apontar, talvez devido à urgência em sermos pessoas e famílias perfeitas, com vidas perfeitas, corpos perfeitos, relações e refeições bonitas [e de preferência saudáveis] e tudo o que mostre ao mundo o quão [supostamente] felizes e saudáveis somos. Mas será que tamanha perfeição demonstra a nossa realidade? Todos nós tentamos encontrar alguma ordem e equilíbrio no caos do dia-a-dia e é justamente nas peripécias, que acontecem a todos, que nos tornamos "humanos".

Há dois dias vi esta fotografia na conta de instagram honestlyhealthy. Deu-me vontade de rir e achei maravilhoso que alguém tivesse partilhado com o mundo este pequeno "desastre"...


Porque é disso que precisamos: menos perfeição e mais honestidade. Naquilo que somos e na forma como nos apresentamos.
Afinal, o que seria da vida sem caos e peripécias? Atrevo-me a dizer: tremendamente aborrecida!

Sem comentários:

Enviar um comentário